18/05/2021 +55 (22) 98835 8694

Araruama

apk canal 10

Fila e desconforto nos Correios em Araruama

Além do horario de atendimento reduzido, agência não tem espaço para abrigar usuários

Por Redação - AraruTV 14/04/2021 às 19:29:08
Localizada na rua Major Félix Moreira, a pequena agência dos Correios da cidade ao menos oferece um diferencial: a vista privilegiada, bem em frente à orla da lagoa no Centro, na altura do letreiro que diz "Eu amo Araruama". Mas, para aqueles que precisam ficar mais de uma hora na fila que se estende pela calçada, faça sol ou chuva, na tentativa de enviar correspondências ou encomendas, esse exercício de paciência está bem longe de ser agradável.

Por conta da pandemia, o horário reduzido do serviço de atendimento provoca ainda mais reclamações. Atualmente, a agência funciona de segunda a sexta-feira, das 9 às 15h. Porém, é necessário chegar antes das 14h para pegar uma senha que garanta o serviço.

O pequeno espaço da loja já não é suficiente para atender à demanda local. Com a restrição de horários e a necessidade do distanciamento social a situação se agravou, obrigando o público a ficar enfileirado pela calçada até poder entrar e ser atendido, sem aglomeração, na agência.



De empresa-referência em confiabilidade à colecionadora de queixas em poucos anos

Os Correios, oficialmente Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), chegou a ser apontada pela revista de economia americana Forbes como a melhor do mundo em seu segmento no ano de 2008. Hoje, amarga prejuízos e acumula reclamações de usuários e funcionários.
Mas nada é tão ruim que ainda não possa piorar, infelizmente. A empresa pública federal foi incluída recentemente pelo governo na lista de empresas estatais a serem privatizadas. Com essa medida, podem ser continuados os estudos para a privatização da empresa. Em nota, a Secretaria-Geral da Presidência da República explicou que o setor público não tem conseguido suprir a demanda por investimentos necessária para o desenvolvimento dos serviços postais brasileiros, ao contrário do que acontecia há algumas décadas. No entanto, existe a dúvida se a privatização vai resolver o problema da falta de investimentos ou apenas encarecer demasiadamente as tarifas. Além disso, especula-se como a iniciativa privada irá atender as mais de 5 mil cidades brasileiras nas quais o serviço não gera retorno econômico. Estima-se que apenas cerca de 324 municípios no país rendem lucro.

Pelo mundo afora, há bons exemplos e péssimas experiências. Canadá, Rússia e até mesmo os EUA mantêm os correios locais sob o comando governamental. Outros países, como Alemanha, Portugal e Argentina, optaram por privatizar o serviço, mas, ao menos os últimos dois, já avaliam pessimamente o resultado.

Fonte: AraruTV

Comunicar erro
Comentários